loading...

O-que-nao-querem-que-voce-saiba-sobre-a-economia-sistema-economico-como-funciona-realmente-a-econonomia-global

Como uma organização econômica que permite que pessoas que não produzem ganhem bilhões com o trabalho de quem produz e que nos escraviza sobrevive sem questionamentos? Saiba tudo que escondem sobre a economia.

A maioria de nós nem percebe.

Mas estamos imersos em duas realidades diferentes simultaneamente.

Nosso corpo vive no mundo real e tangível, sujeito às leis da natureza, enquanto a nossa mente permanece imerso em ficções abstratas com as quais foi programada a ponto de criar uma realidade paralela dominada por um conjunto de leis e lógicas imaginárias.

Um exemplo paradigmático disso e que já dissemos várias vezes por ser um exemplo visual e didática, é o próprio dinheiro.

Uma nota é apenas um pedaço de papel. (Conteúdo exclusivo Sede Insana)

Se esse papel adquire um determinado valor monetário e é considerado “dinheiro” é porque, por convenção social, ou porque decidimos dentro de nossas mentes.

Ao realizar essa manobra de abstração, criamos, do nada, uma realidade aumentada que sobrepomos a realidade física.

No mundo real e tangível, a nota é única e sempre será, um pedaço de papel com belas e coloridas ilustrações. No entanto, na realidade paralela de ficção que programa nossa mente, esse bilhete é considerado “dinheiro” e, em muitos casos chegaremos a matar por isso.

O-que-nao-querem-que-voce-saiba-sobre-a-economia-sistema-economico-como-funciona-realmente-a-econonomia-global-1

Além do exemplo típico da nota, o fato é que a economia como um todo, tornou-se o exemplo mais
evidente de como as nossas criações abstratas, vazias de valor real, assumiram as nossas mentes e controlam completamente nossas vidas .

Na economia de hoje, as grandes empresas não são baseados na produção ou fabricação de produtos reais e tangíveis, mas na especulação, dominada pelo mundo financeiro, o setor da economia que não produz nada de tangível e nem útil.

O ambiente financeiro é um mundo de fantasia onde os produtos imaginários derivado de outros produtos imaginários e regido por leis abstratas complexas, que ganham quantidades obscenas de “dinheiro”, uma entidade imaginária cujo valor reside apenas em nossa mente.

Como podemos ver, a economia atual representa o auge do onanismo abstrato no qual os seres humanos vivem submersos.

O-que-nao-querem-que-voce-saiba-sobre-a-economia-sistema-economico-como-funciona-realmente-a-econonomia-global-2

Imagine um agricultor que tem vacas leiteiras. Esse leite tem um valor real e um valor abstrato associado. Seu valor real está em seu valor nutricional como alimento representando os benefícios físicos que ele proporciona.
Seu valor abstrato reside no valor monetário que damos por cada litro de leite, algo que só existe em nossa psique.

Bem, no mundo de hoje, a maior parte dos ganhos econômicos relativos a esse leite são valores abstratos derivado do
valor monetário do leite.

O-que-nao-querem-que-voce-saiba-sobre-a-economia-sistema-economico-como-funciona-realmente-a-econonomia-global-3

Uma vaca produz um litro de leite que é vendido para uma empresa de laticínios, que por sua vez faz parte de um conglomerado financeiro do setor de alimentos. Essa empresa tem seu capital aberto na bolsa de valores e o valor de suas ações flutua diariamente; uma vez na bolsa, as grandes instituições financeiras fazem apostas no valor futuro das ações dessa empresa, comprando e vendendo essas estimativas de valor futuro, que por sua vez estão sujeitas as flutuações dos tipos de interesse e sobre cujo valor futuro se produzem novas apostas e estimativas que são compradas e vendidas novamente, etc, etc, etc…

Então, basicamente, assim funciona o mundo dos derivativos financeiros.

Isso significa que um agricultor ganha alguns míseros centavos para cada litro de leite e alimentos nutritivos, mas os derivados deste produto real e tangível, ganham milhares com base em abstrações vazias que só existem na mente dos especuladores.

Uma realidade virtual que acaba afetando seriamente o funcionamento do mundo real, pois pode acabar arruinando o agricultor com um simples clique do mouse ou uma mera troca de dígitos em uma tela.

Um mundo ficcional onde algumas pessoas ganham grandes quantias de dinheiro
sem fazer nada de útil ou produtivo e, ainda, a sociedade acredita que eles são vencedores.
Pessoas e entidades estéreis que acumulam lucros comprando e vendendo literalmente dígitos em uma tela, zeros e uns que só existem no útero frio de um computador.

O-que-nao-querem-que-voce-saiba-sobre-a-economia-sistema-economico-como-funciona-realmente-a-econonomia-global-4

Esta é a economia atual: uma enorme orgia de valores abstratos e convenções imaginárias que só existem em nossa mente; o resultado lógico da escravidão à qual nos submete as nossas próprias criações mentais.

Algo que não deveria ser assim e que por mais voltas que se dê, não faz sentido, até mesmo explorando bibliotecas que explicam como funciona este sistema complexo e por mais que insistamos em chama-lo de “ciência econômica”.

O-que-nao-querem-que-voce-saiba-sobre-a-economia-sistema-economico-como-funciona-realmente-a-econonomia-global-5

Porque no final do dia, um agricultor produz leite, que é algo real e tangível. O leite e seus derivados alimentam as pessoas, que são seres reais e tangíveis. Até mesmo o estrume de vaca é usado para a produção de adubo, que é algo útil, real e tangível.É o fertilizante usado para cultivar legumes, coisas reais e tangíveis que alimentam as pessoas e as próprias vacas, que produzem carne, leite e esterco.

E chagando aqui, devemos perguntar: como é possível que, em nosso mundo tenha menos valor o estrume de vaca que uma “opção de compras futuras”, quando o estrume tem profundas implicações para a nossa sobrevivência, enquanto a “opção de compras futuras” é uma invenção abstrata simples que não nos traz nada de tangível?

Talvez seja a hora de chamar as coisas por seu nome: o cocô de vaca tem mais valor e utilidade que o mundo financeiro como um todo.

Porque sem estrume não há nitratos, fertilizantes, as plantas não iriam crescer e não haveria vida vegetal ou animal no planeta.

O-que-nao-querem-que-voce-saiba-sobre-a-economia-sistema-economico-como-funciona-realmente-a-econonomia-global-6

Também não haveria vida para estes robôs pseudo-humanos que enchem as bolsas de valores e que abundam nos escritórios movimentados de instituições financeiras.

Não haveria “opções de compras futuras”, “credit default swaps”, “índices de ações” ou “prêmio de risco”, porém sem estes o mundo continuaria a existir, as plantas continuariam a crescer e proliferar-se, os animais e a vida sob a luz do sol e o céu azul.

Porque todos estes instrumentos financeiros não são nada, são apenas invenções, ficções abstratas que só servem para bilhões de pessoas em todo o mundo sofrem uma vida de escravidão, enquanto outras, sentadas em frente à tela de um computador, sem fazer nada de produtivo nem benéfico para os outros, acumulam grandes quantidades de dígitos imaginários em suas contas correntes.

Esses são o fruto amargo que nos dá a “economia abstrata”. A chamamos assim porque é um sistema
econômico que tem crescido ao serviço, não com valores tangíveis e reais, mas a partir das ferramentas muito abstratas que uma vez o homem criou para torná-las uma ferramente útil de troca.

O-que-nao-querem-que-voce-saiba-sobre-a-economia-sistema-economico-como-funciona-realmente-a-econonomia-global-7

Chegado a este ponto, não tardará em aparecer economistas indignados que
argumentarão que este é um raciocínio simplista. Que sem o desenvolvimento da ciência econômica, que estuda o funcionamento da “economia abstrata” não teríamos alcançado as alturas do progresso atual, que nos permitiram o crescimento da população e os avanços tecnológicos que desfrutamos. Eles dizem que, sem instrumentos
financeiros complexos de hoje não fluiria dinheiro ou crédito, o que pomposamente descrevem como “a força motriz da economia” …

E eles vão estar certos, absolutamente certos.

Mas realmente o que eles querem nos dizer é que, sem a ciência econômica, todos nós não seríamos escravos do berço ao túmulo, condenado a lutar a vida inteira para acumular pedaços de papel para comprar milhares de itens e
produtos que não precisamos.

Sem a “economia abstrata” baseado em entidades puramente fictícias, o valor real das coisas seria seu valor intrínseco, não o valor monetário abstrato que fez todas as coisas do mundo tenham um preço, incluindo as pessoas, a ponto de serem compradas, vendidas e tratados como meros pedaços de papel.

Sem o desenvolvimento da economia e da “economia abstrata”, talvez nunca teríamos chegado a Marte, um verdadeiro marco para a nossa espécie, mas também não devemos deixar de abordar aprofunda vergonha que
envolve o ato de enviar artefatos a outros planetas, e sermos incapazes de resolver os graves problemas de nosso planeta.

O-que-nao-querem-que-voce-saiba-sobre-a-economia-sistema-economico-como-funciona-realmente-a-econonomia-global-8

Sem a “economia abstrata” não seriam jogadas fora a cada ano milhares de toneladas de comida para não diminuir o seu preço, enquanto milhões de pessoas em todo o mundo sofrem de fome.

O-que-nao-querem-que-voce-saiba-sobre-a-economia-sistema-economico-como-funciona-realmente-a-econonomia-global-9

Sem a “economia abstrata” não haveria milhares de famílias sem-teto e sem lar, enquanto casas vazias estão caindo aos pedaços, porque ninguém as habita.

Sem a “economia abstrata” fabricar armas para matar milhões de pessoas não seria o negócio mais lucrativo do mundo.

O-que-nao-querem-que-voce-saiba-sobre-a-economia-sistema-economico-como-funciona-realmente-a-econonomia-global-10

Sem a “economia abstrata” não precisaríamos de banqueiros, economistas, analistas, consultores financeiros, corretores de imóveis, corretores, ministros das finanças e da fazenda, inspetores, agências de rating, ou as agências de classificação de risco e, obviamente, como todos sabemos, sem eles este planeta seria um inabitável e triste lugar, um deserto terrível, pois todos eles nos dão tanta felicidade, tanto bem estar, muitos avanços e tanto progresso, e são tão úteis e produtivos para a humanidade, que sequer podemos conceber como seria o planeta sem eles…

O-que-nao-querem-que-voce-saiba-sobre-a-economia-sistema-economico-como-funciona-realmente-a-econonomia-global-11

Mesmo em sua infinita arrogância e incapacidade de imaginar mundos alternativos, essas pessoas chegam a afirmar que sem a “economia abstrata” o ser humano não teria alcançado tais alturas da civilização e do progresso, e
que “o mundo não iria avançar”.

Porque, obviamente, sem estruturas econômicas e financeiras …
Teria criatividade no mundo? Haveria a iniciativa? Será que seríamos inventivos? Ou talentosos? E a arte? O espírito de exploração e aventura? Será que a competitividade e a capacidade de superação ainda estariam presentes?

Podemos até chegar a perguntar por aspectos humanos mais negativos.

Sem as estruturas econômicas e financeiras …
Haveria a necessidade de dominação sobre os outros? E o orgulho? É a ambição? O egocentrismo?

Todas essas coisas são parte da natureza humana, ou talvez quem as inventou foi esse bando de parasitas?

Não deixemos que nos enganem mais.

A economia e todas as estruturas econômicas são apenas instrumentos abstratos que deveriam servir as pessoas
como as estruturas matemáticas e linguísticas que criamos, e não vice- versa, como agora.

Porque digam o que digam, este exército de pequenos homens engravatados e penteados nos inundam com
informações que eles inventam continuamente, mas a única verdade, a realidade tangível e real é que cocô de vaca tem mais valor real do que o mundo financeiro inteiro.

[GazzetaDelApocalipses] Tradução Sede Insana

Elisandro

Recomendados para você:

Comentar com o Facebook

Comentários...