loading...

Estes pequenos seres com uma aparência de escorpião vivem em seus livros velhos e ajudam em sua conservação. Saiba um pouco mais sobre eles.

Para adicionar vida, horror e imaginação aos livros antigos que são armazenados em prateleiras de bibliotecas e casas, existem os chamados “escorpiões dos livros” que os percorrem incansavelmente.

Apropriadamente chamados de “pseudo-escorpiões”, essas pequenas criaturas amam o cheiro de um velho e simpático livro, porque os livros antigos contêm pulgas e ácaros. Na verdade, esses insetos fazem um trabalho inestimável de controle de pragas, e não são realmente escorpiões: não podem nos ferir. Parecem escorpiões por causa de suas longas pinças que medem o dobro do seu corpo, mas sem cauda ou ferrão.

Das 3.300 espécies de pseudo-escorpiões, a mais comum é chamada de cancroides chelifer, encontrados em todo o mundo e não cresce mais de 4 milímetros de comprimento. Mas, apesar de seu tamanho diminuto, as cancroides pode carregar sobre seu corpo enormes almanaques ou enciclopédias.

Os pseudo-escorpiões, desde que se tornaram famosos, têm sido objetos de ternura, para alguns, e horror para os outros.

Elisandro

Recomendados para você:

Comentar com o Facebook

Comentários...