loading...


Alguns “segredos” sobre as armas mais mortais já construídas pelo homem, que possuem o poder de acabar com a nossa espécie caso sejam utilizadas em uma guerra.

Nos anos cinquenta e sessenta, mais ou menos, quando estavam saindo as primeiras histórias em quadrinhos sobre humanos com poderes radioativos, dizer “atômico” era equivalente a “ecológico” de hoje, dava-lhe um prestígio inerente a qualquer produto que poderíamos pensar em promover, como os aspiradores nucleares. Ela era vista como um tipo de energia do milênio que inevitavelmente nos conduziria imediatamente para o futuro.

Os artefatos atômicos foram, de certa forma, “os guardiões” da paz, pois o seu uso tornou-se tabu, já que eles podem por um fim a vida na terra. Conheça alguns segredos sobre estes poderosos artefatos.

1. O físico teórico Albert Einstein sugeriu ao presidente dos EUA criar a bomba atômica antes que os nazistas o fizessem.

2. Se você laçar uma bomba de um megaton em algum lugar, seguramente não haverá qualquer sobrevivente três quilômetros em torno da explosão, devido à “bola de fogo incandescente”.

3. Os incêndios espontâneos, como casos de carne derretida, são muito comuns após a detonação.


4. No sol ocorrem milhões de “explosões nucleares” relacionadas com a fusão nuclear (transformação de hidrogênio em hélio). Estamos protegidos da sua radiação nociva pela camada de ozônio que os nossos aerossóis tanto estragam.

5. Em Hiroshima e Nagasaki houve uma chuva radioativa a poucos segundos da explosão, onde caiu literalmente a cinza dos corpos vaporizados . A onda de choque é acompanhada por ventos fortes e rajadas de calor abrasador que se dissolvem a pintura e transformam em escombros empoeirados tudo o que ficar em seu caminho.

6. Depois dos EUA, outros países também conseguiram seu arsenal nuclear, como Rússia, França, Índia ou China. Apesar de muitos terem se desnuclearizado depois da Guerra Fria (países da ex-URSS e outros), muitos ainda matem um cilindro “por acaso”.

7. O óxido nitroso mancha o ar de um vermelho brilhante sangrento, muito assustador, mas belo.

8. Olhar diretamente para o flash de uma bomba ao detonar, pode causar cegueira. (muitos japoneses o fizerem).


9. Toda a tecnologia eletrônica se torna inútil pela atividade dos raios gama em muitos quilômetros ao redor de uma explosão nuclear, dependendo da potência. Aqui não funcionaria o seu Ipod.

10. A implosão produzida na carga nuclear é efetuada quando o material explosivo comprime o urânio, tornando-o mais denso e forçando a reação em cadeia. Na fusão, no entanto, ao comprimir-se o deutério se tem um efeito superior porque os seus átomos se fundem em hélio.


11. Americanos sabotaram usinas alemães de enriquecimento de urânio e programa o de Hitler, que tentou obter primeiro as armas de destruição em massa para ganhar a guerra. É pouco provável que  o ditador austríaco guardasse seu plutônio em baixo do bigode.

12. A bola de fogo pode alcançar temperaturas superiores a trezentos milhões de graus Celsius, mais quente até que a própria superfície do sol, e até mesmo um raio. Se alguém já viu Dragon Ball entendeu perfeitamente a essência destas palavras.


13. A imersão em água durante um ataque atômico pode aliviar a dor das queimaduras, mas não evita que a radioatividade cause estragos.

14. A construção de uma bomba nuclear é relativamente simples. A coisa mais difícil na verdade é encontrar e manipular corretamente o urânio e o plutônio radioativos.

15. Atualmente, os EUA e a Federação Russa possuem ogivas nucleares o suficiente para destruir a Terra dezenas de vezes.


Bônus: Se quiser ter uma ideia sobre como seria uma guerra nuclear entre os EUA e a URSS, assista o filme “O dia seguinte”.

Elisandro

Recomendados para você:

Comentar com o Facebook

Comentários...